terça-feira, 7 de abril de 2015

Mortos para o pecado, e vivos para Deus...


Jesus levou sobre si todos os nossos pecados, e morreu para que vivêssemos. Hoje se vivemos, façamos isso por Deus, para Deus e com Deus, não há vida sem Deus, ou fora Dele. Assim tenha um dia distante do pecado e próximo de Deus.

Romanos 6.1-11

Portanto, o que vamos dizer? Será que devemos continuar vivendo no pecado para que a graça de Deus aumente ainda mais?6.2   É claro que não! Nós já morremos para o pecado; então como podemos continuar vivendo nele?6.3   Com certeza vocês sabem que, quando fomos batizados para ficarmos unidos com Cristo Jesus, fomos batizados para ficarmos unidos também com a sua morte.6.4   Assim, quando fomos batizados, fomos sepultados com ele por termos morrido junto com ele. E isso para que, assim como Cristo foi ressuscitado pelo poder glorioso do Pai, assim também nós vivamos uma vida nova.6.5   Pois, se fomos unidos com ele por uma morte igual à dele, assim também seremos unidos com ele por uma ressurreição igual à dele.6.6   Pois sabemos que a nossa velha natureza pecadora já foi morta com Cristo na cruz a fim de que o nosso eu pecador fosse morto, e assim não sejamos mais escravos do pecado.6.7   Pois quem morre fica livre do poder do pecado.6.8   Se já morremos com Cristo, cremos que também viveremos com ele.6.9   Sabemos que Cristo foi ressuscitado e nunca mais morrerá, pois a morte não tem mais poder sobre ele.6.10   A sua morte foi uma morte para o pecado e valeu de uma vez por todas. E a vida que ele vive agora é uma vida para Deus.6.11   Assim também vocês devem se considerar mortos para o pecado; mas, por estarem unidos com Cristo Jesus, devem se considerar vivos para Deus.
Postar um comentário